Manifestações orofaciais da sífilis congênita: uma revisão integrativa

Natália Lopes Castilho, Loren Mayara Martins Magalhães, Maria Aparecida da Rocha, Natália Oberhofer Nascimento, Verônica Oliveira Dias, Maria José Lages de Oliveira

Resumo


Objetivo: Pesquisar na literatura as alterações orofaciais observadas em pacientes com sífilis congênita. Métodos: Revisão Integrativa acerca das alterações orofaciais da sífilis congênita presentes em literaturas nacionais e internacionais por meio de estudos observacionais, tendo como critério de elegibilidade artigos que descrevam características orofaciais da sífilis congênita. Resultados: Foram selecionados sete (07) artigos, um (01) abordava a sífilis congênita classificada como precoce, o qual relatava alterações hemorrágicas de palato duro e mole, denominadas de sufusões hemorrágicas. Os demais artigos tratavam da sífilis congênita tardia, sendo que as alterações encontradas foram os dentes de Hutchinson, molares em amora, nariz em sela, palato profundo e atrésico, ceratite intersticial, gengivite, surdez, mordida aberta e erupções ectópicas. Conclusão: É importante que se conheça os estigmas sifilíticos orofaciais, pois os mesmos auxiliariam no diagnóstico e tratamento da sífilis congênita tardia ou precoce em crianças acometidas. Há necessidade de mais estudos que abordem a presença destes achados.


Referências


ALBUQUERQUE, Greicy Machado Aguiar et al. Complicações da sífilis congênita: uma revisão de literatura. 2014.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais. Sífilis: Estratégias para Diagnóstico no Brasil. Brasília: Ministério da Saúde, Coordenação de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids. 2010.

CAVALCANTE, Ana Egliny et al. Diagnóstico e tratamento Da sífilis: uma investigação com mulheres assistidas na atenção Básica em Sobral, Ceará. Jornal Brasileiro de Doenças Sexualmente Transmissíveis, [s.l.], v. 24, n. 4, p.239-245, 2012.

DOMINGUES, Rosa Maria Soares Madeira; LEAL, Maria do Carmo. Incidência de sífilis congênita e fatores associados à transmissão vertical da sífilis: dados do estudo Nascer no Brasil. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 32, n. 6, e00082415, 2016.

FERNÁNDEZ MARTORI, Meilyn et al. Serología reactiva en la embarazada. A propósito de três casos. Revista Médica Electrónica, v. 39, n. 3, p. 567-576, 2017.

GONÇALVES ANTONIO, Andréa; KELLY, Alice; COPLE MAIA, Lucianne. Premature loss of primary teeth associated with congenital syphilis: a case report. Journal of Clinical Pediatric Dentistry, v. 29, n. 3, p. 273-276, 2005.

HOUSEGO, T. et al. Repair of a palatal defect associated with late congenital syphilis using a tongue flap. Journal of oral and maxillofacial surgery, v. 46, n. 1, p. 70-73, 1988

KALININ, Yuri. Sífilis: aspectos clínicos, transmissão, manifestações orais, diagnóstico e tratamento. Odonto, v. 23, n. 45-46, p. 65-76, 2016.

NEVILLE, Brad W. et al. Patologia Oral e Maxilofacial. Trad.4a Ed., Rio de Janeiro: Elsevier, p.170-174, 2016.

NISSANKA-JAYASURIYA, Eranga H.; ODELL, Edward W.; PHILLIPS, Carina. Dental stigmata of congenital syphilis: a historic review with present day relevance. Head and neck pathology, v. 10, n. 3, p. 327-331, 2016.

PESSOA, L.; GALVAO, V.. Clinical aspects of congenital syphilis with Hutchinson's triad. Case Reports, [s.l.], v. 2011, n. 211, p.1-3, 21 dez. 2011. BMJ. http://dx.doi.org/10.1136/bcr.11.2011.5130.

OLIVEIRA,V.M. et al. Detecção de sífilis por ensaios de ELISA e VDRL em doadores de sangue do Hemonúcleo de Guarapuava, Estado do Paraná. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 41(4):428-430, jul-ago, 2008.

RIEKHER, Kétlene Fioravanti; BATISTA, Gil Simões; SILVA, Alcir Francisco da. SÍFILIS CONGÊNITA: RELATO DE TRÊS CASOS. Revista Médica, Rio de Janeiro, v. 7, n. 1, p.105-112, maio 2003.

SHAMIM, Thorakkal; RENJINI, Prabha Surendran. Dental traits of congenital syphilis revisited in dental outpatient department (OPD). Head and neck pathology, v. 11, n. 4, p. 517, 2017.

SONDA, Eduardo Chaida et al. Sífilis Congênita: uma revisão da literatura. Revista de Epidemiologia e Controle de Infecção, v. 3, n. 1, p. 28-30, 2013.

TAKANO, Olga A. et al. Relato de Caso de Sífilis Congênita Precoce Sistêmica. Revista de Pediatria Soperj, Rio de Janeiro, v. 15, n. 5, p.82-86, mar. 2015.

TEIXEIRA, Marizete Argolo et al. Perfil epidemiológico e sociodemográfico das crianças infectadas por sífilis congênita no município de jequié/bahia. Rev.saúde.com, Jequié, v. 11, n. 3, p.303-313, 2015.

WATERLOO, Mirela Resende Oliveira; LANGE, Apoena de Aguiar Ribeiro. Aspectos Bucais da Sífilis Congênita: Relato de Caso. Revista Íbero-americana de Odontopediatria & Odontologia de Bebê, v. 7, n. 36, 2014.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Endereço postal

 

Universidade Estadual de Montes Claros - Unimontes Pró-Reitora de Extensão Coordenação Editorial da Revista Intercâmbio

Av. Ruy Braga, Predio 05, Sala 210, Campus Universitário Prof. Darcy Ribeiro CEP: 39401-089 - Montes Claros / MG

 

Contato Principal

Daniela Imaculada Pereira Costa
Telefone: (38) 3229-8160
E-mail: revista.intercambio@unimontes.br

Secretários Executivos

Iury Veloso - Antony Willian 
Telefone: (38) 3229-8300
E-mail: revista.intercambio@unimontes.br